Aprenda e recertifique-se...
Login | Registe-se aqui
SAV; SIV; SBV; SBV/DAE São cursos de treino de profissionais em reanimação, reconhecidos pelo Conselho Português de Ressuscitação (CPR) e desenvolvidos de acordo com as recomendações do European Resuscitation Council (ERC).
 
Curso de Suporte Avançado de Vida (CSAV)

O que é o CSAV?

É um curso de treino em reanimação, reconhecido pelo Conselho Português de Ressuscitação (CPR) e desenvolvido de acordo com as recomendações do European Resuscitation Council (ERC).

O CSAV destina-se a treinar profissionais de saúde a desempenhar funções de líderes de equipas de reanimação, (intra ou extra-hospitalares) e exige formação prévia em SBV (Suporte Básico de Vida).

Há CSAV para tratamento de adultos e CSAVP (CSAV Pediátrico) para tratamento de doentes do foro pediátrico. A Reanima, actualmente só disponibiliza formação em SAV para adultos.

O CSAV está concebido para treinar 20 candidatos com seis Instrutores por curso. Tem a duração de 20h distribuídas por dois dias (ver programa) e

A inscrição é confirmada depois de pagos €400 (quatrocentos euros) por candidato. A regularização da inscrição confere ao candidato direito a:

 

  • Receber os materiais pedagógicos necessários para a preparação para o curso;
  • Certificado de presença, quando justificado;
  • Certificado de aproveitamento, quando justificado;
  • Lanches a meio da manhã (nos intervalos – ver programa);
  • Almoços no local da formação nos dois dias do curso (ver programa);
  • Prioridade para frequentar outros cursos da Reanima.

Nota: O Seminário do Vilar tem disponibilidades para alojamento, que contudo são independentes da Reanima e têm de ser contratados directamente entre o interessado e o Seminário do Vilar (Rua Arcediago Van Zeller - 4050 - PORTO, TEL : 226 056 000)

Na formação em reanimação, nos moldes reconhecidos pelo CPR e propostos pelo ERC, há quatro níveis de formação:

CSBV = Cursos de Suporte Básico de Vida, destinados a treinar os candidatos a reconhecer o “doente em risco de vida”, a saber pedir ajuda qualificada quando indicado, a saber iniciar e manter Suporte Básico de Vida eficaz, até à chegada da ajuda. Os cursos estão organizados para formar candidatos em três contextos diferentes:

CSBV para leigos – destinado a treinar o cidadão sem formação com profissional de saúde a reanimar adultos;

CSBV para profissionais – destinado a treinar profissionais de saúde a reanimar adultos;

CSBV Pediátrico – destinado a treinar os candidatos a reanimar crianças;

CDAE = Cursos de Desfibrilhação Automática Externa, destinados a treinar os candidatos a reconhecer o “doente em risco de vida”, a saber pedir ajuda qualificada, a saber iniciar e manter Suporte Básico de Vida eficaz e a desfibrilhar com eficácia e segurança com recurso a DAE;

CSIV = Cursos de Suporte Imediato de Vida, destinados a treinar membros das equipas de reanimação, pressupõe formação creditada, prévia, em SBV. O programa incide no treino das funções atribuídas aos membros das equipas de reanimação, incluindo o treino em desfibrilhação manual e cuidados pós reanimação.

CSAV = Cursos de Suporte Avançado de Vida, destinados a treinar lideres das equipas de reanimação, pressupõe formação creditada, prévia, em SBV. O programa incide sobre as funções de coordenação e actuação das equipas de reanimação, incluindo desfibrilhação manual, decisões sobre iniciar e suspender, comunicação, orientação diagnóstica e terapêutica e cuidados pós reanimação;

A recertificação deve seguir as orientações do ERC / CPR e acontecer, pelo menos, a seguir à revisão das recomendações para a reanimação, nos anos terminados em 0 e 5. As novas recomendações para a reanimação serão apresentadas no Congresso do ERC, em Dez 2010 no Porto - Portugal.

Actualizado Fevereiro 2010

António H. Carneiro

Objectivos
O CSAV destina-se a treinar profissionais de saúde a desempenhar funções de líderes de equipas de reanimação, (intra ou extra-hospitalares) e exige formação prévia em SBV (Suporte Básico de Vida).
O programa incide sobre as funções de coordenação e actuação das equipas de reanimação, incluindo desfibrilhação manual, decisões sobre iniciar e suspender, comunicação, orientação diagnóstica e terapêutica e cuidados pós reanimação;
Programa
1º Dia

08:30
Introdução

08:45 Palestra: Causas e prevenção de paragem cardiorespiratória

09:05 Palestra: Síndromas Coronários Agudos

09:30 Demo / Palestra: Demonstração de caso clínico seguida da palestra dos algoritmos de paragem

10:30 Café

10:45 Competências e workshop:
  • Via aérea
  • Reconhecimento de ritmos
  • Abordagem inicial e reanimação



 Via Aérea
 Via Aérea
 Ritmos Ritmos
 10:45-11:35  

Grupo 1
Grupo 2
Grupo 3Grupo 4
 11:35-12:25
Grupo 4

Grupo 3

Grupo 2
Grupo 1


Abordagem inicial e reanimação
Abordagem inicial e reanimação
Abordagem inicial e reanimaçãoAbordagem inicial e reanimação
 12:25-13:40
Grupo 3
Grupo 4

Grupo 1
Grupo 2

13:40
Almoço

14:30 Palestra: Cuidados pós reanimação

15:00 Cenários de caso clínico
 


 Casos Clínicos 1/2/3
 Casos Clínicos 1/2/3
 Casos Clínicos 1/2/3 Casos Clínicos 1/2/3
 15:00-15:30
Grupo 2

Grupo 3
Grupo 4Grupo 1
 15:30-16:00 

Grupo 1

Grupo 2

Grupo 3
Grupo 4
 
16:00
Café

 16:15-16:45
Grupo 4

Grupo 1

Grupo 2
Grupo 3

16:45
Discussão: Ética, luto

17:15 Reunião grupos de mentor/candidato

17:30 Final do 1º dia


2º Dia

08:30 Arritmias peri-paragem:


 Taquicardias, Cardioversão e Fármacos
 Taquicardias, Cardioversão e Fármacos
 Gasimetria Gasimetria
 08:30-09:15
Grupo 1
Grupo 2
Grupo 3 Grupo 4
 09:15-10:00
Grupo 4
Grupo 2
Grupo 2Grupo 3



 Bradicardias, Pace e Fármacos
 Bradicardias, Pace e Fármacos
 Bradicardias, Pace e Fármacos Bradicardias, Pace e Fármacos
 10:00-10:45
Grupo 1
Grupo 4
Grupo 2 Grupo 3

10:45 Café

11:00 Workshops de circunstancias especiais



 Circunstancias Especiais 1
 Circunstancias Especiais 1
 Circunstancias Especiais 2
 Circunstancias Especiais 2


Alt.Electroliticas / Hipovolemia Alt.Electroliticas
Alt.Electroliticas / Hipovolemia Alt.Electroliticas
Asma/ Anafilaxia AsmaAsma/ Anafilaxia Asma
 11:00-11:30
Grupo 2
Grupo 3
Grupo 4 Grupo 1
 11:30-12:00
Grupo 1
Grupo 2
Grupo 3 Grupo 4



 Circunstancias Especiais 3
 Circunstancias Especiais 3
 Circunstancias Especiais 3 Circunstancias Especiais 3


Gravidez / Intoxicações
Gravidez / Intoxicações
Gravidez / IntoxicaçõesGravidez / Intoxicações
 12:00-12:30
Grupo 4

Grupo 1

Grupo 2
Grupo 3

12:30
Casos Clínicos



 Caso Clínico 4
 Caso Clínico 4
 Caso Clínico 4 Caso Clínico 4
 12:30-13:15

Grupo 3
Grupo 4
Grupo 1 Grupo 2

13:15
Almoço



 Caso Clínico 5

 Caso Clínico 5
 Caso Clínico 5 Caso Clínico 5
 14:15-15:00
Grupo 2
Grupo 3
Grupo 4 Grupo 1

15:00
Avaliação prática e teste



 Banca 1
 Banca 2

 Teste
 15:30-16:30
Candidato 1-5
Candidato 6-10
Candidatos 11-20

16:30
Café



 Banca 1
 Banca 2

 Teste
 16:30-17:30
Candidato 11-15
Candidato 16-20
Candidatos 1-10

17:30
Reunião de Instrutores

18:00 Encerramento


Datas e Local
Ainda não existem datas e locais agendadas para este curso.
Outras Informações

A inscrição é confirmada depois de pagos €400 (quatrocentos euros) por candidato. A regularização da inscrição confere ao candidato direito a:

  • Frequentar o curso nas instalações da sede da Reanima ;
  • Receber os materiais pedagógicos necessários para a preparação para o curso;
  • Certificado de presença, quando justificado;
  • Certificado de aproveitamento, quando justificado;
  • Lanches a meio da manhã e pausa para café durante a tarde (nos intervalos – ver programa);
  • Almoços no local do curso nos dois dias do curso (ver programa);
  • Prioridade para frequentar outros cursos da Reanima.

 


Termos e Condições do Cursos

A Reanima é uma Associação sem fins lucrativos que faz formação em Emergência e Medicina do Doente Crítico.

O quadro de Instrutores da Reanima incorpora médicos e enfermeiros de vários hospitais da região norte, provenientes de áreas profissionais diversas: Cuidados Intensivos; Medicina Interna; Anestesiologia; Cardiologia, etc, com experiência de trabalho em Cuidados Intensivos, na Emergência e na Urgência hospitalares e pré-hospitalares.

1. Os cursos promovidos pela Reanima têm lugar no Hotel Mercure, em Gaia.

a)    Em situações de excepção e por motivo de força maior, os cursos poderão ter lugar noutro local a designar.

2. Os cursos Reanima terão lugar nas datas anunciadas, sujeitos a confirmação no período definido para cada curso, desde que estejam confirmados o número mínimo de candidatos necessário para que o curso possa funcionar.

a)    A inexistência de número de candidatos necessários à realização do curso pode levar ao seu cancelamento, por decisão do Director do Curso.

3. Os candidatos inscritos nos cursos Reanima têm direito a receber, para uso pessoal, o Manual correspondente, com a antecedência prevista para esse curso

a)   Os candidatos que receberem materiais pedagógicos Reanima, comprometem-se a respeitar o respectivo copyright;
b)   Os materiais pedagógicos disponibilizados para cada curso são para uso do formando que se compromete a não os comercializar ou utilizar de qualquer forma que não aquela para que lhe foram fornecidos;
c)    Os formandos têm acompanhamento personalizado, pessoal e pedagógico, ajustado ao tipo de curso, proporcionado pelos Instrutores e pelo Director do Curso, sempre que justificado;
d)   Os cursos Reanima exigem dos formandos disponibilidade permanente durante o período de formação antecipadamente definido;

4. A inscrição nos cursos Reanima inclui:

a)   Direito a receber comprovativo de presença nos casos em que tal se justificar;
b)   Avaliação nos moldes atempadamente definidos pelo Director do Curso, em conformidade com as regras aplicáveis a esse curso;
c)   Direito a receber certificado comprovativo do aproveitamento, nos casos em que tal se justificar.

5. A inscrição nos cursos Reanima inclui:

a)   Usufruto das instalações nos termos definidos pelo Director do Curso
b)   Intervalos para café quando previsto no programa e almoço (nos casos em que este decorra durante o tempo de formação);

6. Situações associadas mas independentes da inscrição nos cursos Reanima:

a)      No Hotel Mercure há disponibilidades para alojamentos, para os que o desejarem. Os alojamentos são contratados com o secretariado do Hotel e não têm qualquer relação com a logística da responsabilidade da Reanima;
b)      Há materiais pedagógicos que podem ser adquiridos a título individual pelos formandos mediante contacto com o secretariado da Reanima independentemente da inscrição em cursos Reanima.

7. A inscrição num curso Reanima só é efectiva depois de recebido o comprovativo emitido pelo secretariado

a)      A inscrição em cursos Reanima faz-se por via electrónica no respectivo site www.reanima.pt
b)      O comprovativo da aceitação da inscrição depende da recepção atempada da ficha de inscrição correctamente preenchida;
c)      O comprovativo da aceitação da inscrição depende da recepção do pagamento da inscrição devida para esse curso;
d)      Na eventualidade de cancelamento do curso por razões da responsabilidade da Reanima, o valor da inscrição é devolvido na íntegra;
e)      Nos casos em que o candidato falte ao curso não haverá lugar a devolução do valor da inscrição.

Nos casos em que a falta decorreu de motivo justificado o Secretariado notificará o candidato das datas de novas oportunidades de formação, caso manifeste esse interesse.

Tratamento de Reclamações

A REANIMA tem um procedimento instituído relativamente ao tratamento de eventuais reclamações sobre a actividade formativa. Assim, constam do Dossier Técnico-Pedagógico dois formulários de ocorrências. Um para os formandos relativamente ao que possa acontecer no decorrer da formação. E outro para os outros elementos do processo formativo, nomeadamente, formadores e suporte administrativo.

O Procedimento de tratamento de reclamações a seguir é o seguinte:

Caso exista algum formando que pretenda escrever no formulário de ocorrências o Formador ou o Suporte Administrativo deverão disponibilizar o referido formulário, que o formando preencherá e a que será dado dois tipos de tratamento imediato.

Caso qualquer um destes elementos do processo formativo consiga resolver no imediato a situação apontada pelo formando, deverá fazê-lo relatando isso no mesmo formulário e, em seguida, informar o Director do curso, que está sempre presente durante todo o curso.

Caso qualquer um destes elementos e o Director do curso não consigam resolver no imediato a situação apontada pelo formando, deverá imediatamente apresentar ou enviar por escrito para o Director Pedagógico da Reanima o formulário preenchido pelo formando.

O Director do curso deverá preencher o formulário de ocorrência identificando a situação e a forma de resolução da mesma. Caso a questão não possa ser por este resolvida, deverá remete-la para o Director Pedagógico a quem caberá a decisão final sobre o mesmo, e, consequentemente, o preenchimento da parte do formulário onde está prevista a explicação da situação ocorrida.

No final do curso esta ocorrência deverá constar do seu relatório e o Director Pedagógico deverá registar essa mesma ocorrência na sua vista final ao dossier do curso, antes de o mesmo ser arquivado.


Selecção de formandos e formadores

o processo de selecção de formandos e constituição de grupos de formação integra duas fases:

1ª Fase:

Divulgação

A divulgação das acções de formação constitui uma etapa importante para a concretização do Plano formativo. Os suportes de apoio utilizados para a divulgação das acções de formação são os seguintes:

- Sítio da Associação na Internet (www.reanima.pt) ;

- Encaminhamento através das entidades com as quais a REANIMA estabelece protocolos;

- Contactos directos aos potenciais formandos por telefone e por e-mail, que se mostraram interessadas aquando do diagnóstico de necessidades ou anteriormente efectuaram pré-inscrição.

Durante o processo de divulgação existe sempre a preocupação de informar os formandos acerca dos conteúdos, duração e requisitos de frequência de cada curso, nomeadamente através da colocação dessa informação no sítio da Associação na Internet.

Maioritariamente, o processo de inscrição de formandos ocorre através dos centros de formação dos hospitais ou instituições que contratam a Reanima mas também, para inscrições individuais, através do sítio da Associação na Internet, estando o mesmo preparado com um sistema informático de registo, gestão e formalização de inscrições.

A inscrição dos candidatos obriga ao preenchimento de um formulário com informações biográficas e administrativas do candidato mas também com informações profissionais e de experiências formativas prévias, motivação e objectivos. Este formulário está definido para cada modelo de curso e disponível no sitio da Reanima na Internet.

2ª Fase:

Selecção

Depois de encerrado o período de pré-inscrições para cada um dos cursos, A Gestora de Formação – Nazaré Leite, procede à análise do perfil dos formandos, nomeadamente tendo em conta as suas habilitações literárias, cumprimento dos pré-requisitos e adequação técnica para a realização dos cursos a que se candidatam. Esta análise é em seguida remetida para o Coordenador/Director Pedagógico – Paulo Paiva, que valida a selecção efectuada em colaboração com o Director do Curso.

A decisão final de selecção é comunicada a todos os candidatos, assegurando que, os seleccionados, procedam à formalização final das suas inscrições.

 

Selecção de Formadores

Este procedimento procura, sobretudo, assegurar uma selecção de formadores capazes de estabelecer uma relação pedagógica adequada com os formandos e favorecer a aquisição de saberes, bem como o desenvolvimento de competências, quer técnicas, quer do domínio pessoal (atitudes e comportamentos ajustados a determinado perfil profissional). Embora com a noção de que não é possível atender a padrões estáticos e estandardizados, dá-se especial relevância aos conhecimentos específicos do formador, bem como ao espírito de cooperação, boas competências de comunicação e relacionamento interpessoal, flexibilidade, tolerância, capacidades de adaptação e auto-avaliação.

O formador REANIMA é a face mais visível da Associação junto dos formandos.

O formador da REANIMA possui licenciatura em Medicina ou Enfermagem. O processo de selecção e validação dos formadores cumpre as regras internacionais ERC/CPR.

A REANIMA faculta a todos os seus formadores, independentemente do seu vínculo, todos os meios materiais (livros, manuais, CDs, software) para poderem evoluir tecnicamente, permitindo ainda a frequência de alguns cursos para aprofundamento de competências.

Atendendo à especificidade da formação ministrada pela REANIMA, o processo de selecção de formadores decorre maioritariamente, numa primeira etapa, através do contacto pessoal, directo ou indirecto, com profissionais peritos e com elevada experiência nas matérias e capacidades  adequadas aos cursos organizados pela REANIMA.

Após ter sido efectuada a formalização da colaboração entre a REANIMA e o futuro formador, este tem uma reunião individual com o Director pedagógico e com a gestora de formação, onde lhe são apresentadas todas as normas relativas ao funcionamento da REANIMA, a estrutura organizacional da associação e quais as tarefas a realizar antes, durante e no final  de cada acção de formação.

Nesta reunião o formador é informado do material de apoio que terá disponível na sala de formação para um bom desempenho da sua actividade profissional e como deve desenvolver a sua actividade.

Durante esta etapa, o formador efectua o reconhecimento das diversas salas de formação disponíveis e da sua localização física.


Gestão logística e administrativa ao funcionamento

O apoio logístico da REANIMA é assegurado pelo Suporte Administrativo. Este recurso assegura o atendimento a todas as pessoas que contactam com a REANIMA e cujo posto de trabalho se localiza no centro de formação. Este recurso humano é coordenado e auxiliado pela Gestora de Formação – Nazaré Leite. A própria logística Seminario de Vilar onde se localiza o Centro de Formação, permite que, desde a abertura ao fecho de cada curso exista sempre um elemento no local da recepção. Relembramos igualmente o papel do Director de Curso, figura que garante, entre outras, a resolução de qualquer dificuldade logística ou de funcionamento do curso. O Director do curso está obrigatoriamente presente desde a abertura ao fecho do mesmo.

Cabe a estes recursos humanos a colocação, em sala, de todos os meios pedagógicos necessários ao desenvolvimento da formação. Meios pedagógicos esses, previamente preparados pela Gestora de Formação, em colaboração com o Director do Curso e com a supervisão do Director Pedagógico. Cabe ao Suporte Administrativo a posterior emissão de certificados.


      Regras de Funcionamento dos Cursos

A Reanima utiliza as definições previstas nas regras gerais de formação definidas pelas entidades com que a Reanima se articula, nomeadamente ERC, e que se traduzem nas seguintes regras:

Nenhum candidato pode ser aprovado se:

ü    Não tiver assistido a todas as sessões previstas no programa do curso.

      Não tiver cumprido com êxito, as provas de avaliação definidos para esse curso.

2.   No caso dos cursos com bancas práticas, a não participação / ausência é por si só eliminatória.

     No casos de cursos modulares como o CEE o candidato é avaliado com teste de escolha múltipla ao fim de cada módulo (um módulo por dia, leccionados em cinco dias). Em caso de impossibilidade de assistir a um dos módulos pode frequentá-lo e ser avaliado no curso seguinte. Neste caso, a aprovação final decorre da aprovação em todos os cinco testes de avaliação (um por cada módulo);

Nos cursos com componente expositiva e componente prática (bancas de simulação ou workshops) o candidato pode frequentar o curso e ser avaliado no final, caso tenha faltado a uma ou duas sessões expositivas (Sépsis, CEq AB-HE), mas os resultados da avaliação só são validados quando o candidato assistir às sessões em falta em curso ulterior. A frequência das sessões em falta é acertada entre o candidato e do Diretor de Cursos e formalizada com o Secretariado da Reanima;

Nos cursos organizados pela Reanima com a designação de “Cursos de Inscrição Individual”, existem duas possibilidades:

- Nos casos em que o candidato esteja comprovadamente empenhado e participativo em todo o curso, e seja aprovado na avaliação teórica, mas não tenha aprovação na avaliação de simulação de caso clínico, ser-lhe-á facultada a oportunidade, caso assim entenda, de fazer de novo o curso na íntegra, mas com uma redução de 50% dos custos da inscrição nesse curso de repetição;

- Nos casos dos cursos modulares a não aprovação num dos módulos obriga à repetição e avaliação apenas desse módulo. O certificado de aproveitamento depende da conclusão com aprovação de todo o programa. Neste caso, a frequência do módulo em falta, não representa mais nenhum encargo para o candidato, mas a sua realização tem que ser acordada dependendo da disponibilidade da Reanima.

 

Regras de pagamento e devolução de inscrições:

      A inscrição nos Curso da Reanima tem preços definidos e publicitados na página de cada Curso no sitio da Reanima na Internet. Uma vez confirmada a inscrição o pagamento deve ser efectivado pelo candidato até ao prazo definido para cada Curso e que corresponde ao tempo mínimo de antecedência do envio do Manual e Cartas de apresentação e Programa (tempos definidos pelas regras dos cursos – Anexo 1). Uma vez enviado este material não haverá lugar à devolução do valor de inscrição podendo, se o candidato para tal apresentar justificação em carta à Direcção da Reanima, ser permitida a sua inscrição no mesmo modelo de Curso no prazo de 6 meses com redução de 50% no valor de inscrição.

      No caso do pagamento ter sido efectivado e o curso não acontecer no local, data ou condições pré-definidas, por responsabilidade não imputável ao candidato, é feita a devolução imediata do valor total da inscrição, sem prejuízo do candidato poder dispor dos materiais pré-curso enviados. Nestes casos o(s) candidato(s) serão considerados prioritários numa futura inscrição para o mesmo modelo de curso. 

voltar